quinta-feira, 22 de maio de 2014

Amor num grão de arroz….


"Um dia, sim, um dia, vou escrever tudo aquilo que sinto por ti, e vou faze-lo no mais pequeno e humilde grão de arroz que possa haver ao cimo da terra.

Mas é tanto tanto o que sinto, para que percebas o quanto, que para que não te quedes em qualquer dúvida, para que nenhuma nuvem ensombre o teu entendimento, o vou resumir, escrevendo e utilizando, para tal, uma única e só palavra, que aos mais puros e sensíveis de alma em tudo se revela, tudo diz, tudo transforma… resume-se a... AMOR!

Nem grande nem pequeno, apenas e só... AMOR!


dixit

4 comentários:

  1. Tudo se revela...tudo Transforma...Nem grande nem pequeno...somente e so...AMOR

    ResponderEliminar
  2. Tudo se revela...tudo transforma...Nem grande ..nem pequeno...somente e so...AMOR....

    ResponderEliminar